CINASE - BH



Treinamentos relativos às áreas Elétrica e de Automação e Controle Industrial pela FUPAI em Itajubá-MG

11/09/2008

A Fundação de Pesquisa e Assessoramento à Indústria - FUPAI apresenta um extenso programa de treinamento para o periodo de outubro a dezembro de 2008, cuja carga horária varia de 16 a 40 horas.


AUTOMAÇÃO E CONTROLE INDUSTRIAL (40 horas)
Período: 06/10 a 10/10/2008
Conteúdo: Instrumentação industrial. Importância dentro do contexto da automação. Principais grandezas a serem monitoradas em processos industriais. Tecnologias já consagradas e tecnologias emergentes. Análise comparativa e seleção de tecnologia. Fornecedores nacionais e internacionais. Custos. Arquiteturas de sistemas de automação baseadas em controladores lógicos programáveis e sistemas abertos (PC-based control). Comparações. Aspectos de programação baseada na norma IEC 61131-3. Supervisão de processos industriais através de software comerciais. A importância do workstatement em projetos de automação e controle. Definição de Controle de Processos; Necessidade de Malhas de Controle; Elementos Constituintes de um Sistema de Controle; Respostas Típicas de Sistemas de Controle; Tipos de Controladores; Conceituação de Sintonia de Malhas de Controle; Conceitos sobre Modelagem e Identificação de Sistemas. Fieldbus: uma visão geral sobre o assunto, introdução sobre os protocolos de rede voltados para aplicações industriais, automobilísticas, residenciais, prediais, e outras. Supply Chain: apresentação de conceitos voltados ao Supply Chain (Cadeia de Fornecimento) e seus dispositivos de coleta de dados - base para a integração de sistemas. Conceitos e teorias das tecnologias disponíveis atualmente e suas diversas aplicações. Integração de sistemas: Importância da Integração, ERP, MRP, Integração de gestão com sistemas de supervisão e controle, Metodologias de Desenvolvimento e Comunicação entre Aplicativos (B2B), Soluções de Integração, serviços inteligentes, clientes inteligentes, integração com dispositivos remotos. Robótica. Configuração de manipuladores (robôs de base fixa) e robôs móveis (AGV), tópicos em visão robótica e aplicações da robótica industrial.

CONTROLADOR LÓGICO PROGRAMÁVEL (36 horas)
Período: 27/10 a 31/10/2008
Conteúdo: Revisão de conceitos lógicos. Introdução aos CLP's. Arquitetura interna dos controladores. Unidade central de processamento. Sistemas de memória. Sistemas de entradas e saídas. Linguagens de programação: básica (ladder) e linguagens IEC 61131-3. Dispositivos periféricos para programação e aplicações. Introdução a redes de controladores lógicos programáveis. Introdução à monitoração local e remota de CLP´s através de softwares de supervisão e aplicações. Comparação entre os principais CLP´s comerciais.

ELETRÔNICA DE POTÊNCIA II (40 HORAS)
Período: 20/10 a 24/10/2008
Conteúdo: Transformações de coordenadas. Inversores do tipo Fonte de Tensão para aplicações Multiníveis. Controle Escalar / Controle Vetorial para Motor de Indução. Acionamento de Motor Síncrono (LCI e Vetorial). Retificador Ativo de Potência (Front End Rectifier). STATCOM (Compensador Estático de Reativos). UPFC (Controlador do Fluxo de Potência Unificado). DVR (Restaurador Dinâmico de Tensão) / DYSC (Compensador Dinâmico de Sag). Técnicas de controle de Potência Ativa e de Potência Reativa. Análise de equipamentos (parametrização, data-sheet, tipos, dimensionamento e aplicações básicas). Microprocessadores e DSP para aplicações em Eletrônica de Potência.

INSTRUMENTAÇÃO INDUSTRIAL (36 HORAS)

Período: 20/10 a 24/10/2008
Conteúdo: Fundamentos de instrumentos de medidas: características estáticas de instrumentos; características dinâmicas; fundamentos estatísticos; calibração; expressão da incerteza. Condicionamento de sinais: Pontes de corrente contínua e de corrente alternada, transmissão da informação, loop de corrente, dois, três e quatro fios, redes e fieldbus. Sistemas de aquisição de dados: ferramentas analógicas; conversores digitais analógicos, placas de aquisição de dados; softwares de aquisição; instrumentação virtual. Medidas de pressão: pressão manométrica, absoluta e diferencial; escalas de pressão; manômetros de coluna; tubos de Bourdon; transmissores de pressão; capacitivos, strain gauges e diferenciais. Medidas de vazão: medidas em tubulações e canais; placas de orifício e Venturi; sondas; medidores de turbina; medidores ultrassônicos; medidores de vórtice; medidores eletromagnéticos; medidores a laser; medidores Coriolis; calhas. Medidas de nível: bóias e deslocadores; medidores hidrostáticos, capacitivos, condutivos, ultrassônicos, radar e radiométrico; nível de borbulhador; outros medidores de nível. Medidas de temperatura: escalas de temperatura; termômetros de bulbo; medidas com termopares; medidas com semicondutores, medidas com termistores; pirômetros ópticos e de radiação. Medição de deslocamento linear e angular. Medidas de grandezas analíticas de processo. Sensores de proximidade e segurança intrínseca.

MANUTENÇÃO E PRÁTICAS EM ELETRÔNICA DE POTÊNCIA (somente para técnicos) (32 HORAS)

Período: 22/09 a 25/09/2008
Conteúdo: SCR, GTO, IGCI, IGBT e Drivers. Soft-Starter. Ponte Trifásica Tiristorizada. Inversor de Freqüência. Falhas em Motores de Indução provocadas por Inversor de Freqüência.

MICROCONTROLADORES DIVERSOS E SUAS APLICAÇÕES PRÁTICAS (36 HORAS)
Período: 27/10 a 31/10/2008
Conteúdo: Arquiteturas típicas de microcontroladores. Unidades de Processamento, Memórias, Interfaces e Periféricos. Instruções básicas. Programação em Assembly. Programação em linguagem C. Programação mista. Ambientes de programação. Exemplos de aplicações diversas.

REDES INDUSTRIAIS - FIELDBUSES (36 HORAS)

Período: 22/09 a 26/09/2008 e 03/11 a 07/11/2008 (NOVA DATA!!!)
Conteúdo: Introdução a redes industriais. O sistema industrial integrado. Redes administrativas. Redes corporativas. Redes no nível de planta: supervisão, comando, planejamento e banco de dados. Parâmetros de comparação entre redes distintas. Arquiteturas de redes industriais. Hardware de rede e topologias. Meios de transmissão: par trançado, cabo coaxial e fibra óptica. Interface digital serial. Redes locais industriais no nível de controle e no nível de campo. Ligação inter-redes. Barramentos de campo - Fieldbuses. Características e comparação entre as seguintes redes industriais: Genius, Modbus, ADAMs, ASI, DeviceNet, LonWorks, Profibus, Fieldbus Foundation e Ethernet Industrial. Considerações sobre o uso da Internet na automação industrial. Redes sem fio para aplicações industriais. Demonstrações de alguns sistemas em laboratório.


ÁREA: ELÉTRICA


ANÁLISE DE FALHAS EM SISTEMAS ELÉTRICOS (36 horas)
Período: 01/12/2008 a 05/12/2008
Conteúdo: A representação PU-choque de base. Representação de transformadores e auto-transformadores de dois e três enrolamentos, reguladores, linhas, cabos e máquinas sob condições equilibradas. Capacidade de curto circuito e defeitos trifásicos simétricos. O método dos componentes simétricos: componentes sequenciais para sistemas de impedâncias desequilibradas e os circuitos seqüenciais. Representação dos equipamentos anteriores nas sequencias negativa e nula. Análise de defeitos "Shunt", série e simultâneos: defeitos fase-fase-fase-terra, fase-fase-terra-fase-fase, fase-terra, interrupção de um ou dois condutores, defeitos combinados. O aterramento de neutro em sistemas industriais.

FLUXO DE CAIXA PARA INVESTIMENTOS EM DISTRIBUIÇÃO (24 horas)
Período: 13/10/2008 a 15/10/2008
Conteúdo: Revisão dos conceitos básicos de análise de investimento. Análise sob incerteza, principais índices utilizados no setor elétrico. Ambiente regulatório e as conseqüências para as distribuidoras. Identificação das variáveis que influenciam o fluxo de caixa do investimento em distribuição: TUST, TUSD, tarifa de fornecimento e suprimento, mercado, WACC regulatório e real, multas, perdas, etc. Fluxo de caixa: antes e depois da revisão tarifária; base de remuneração regulada, perdas comerciais e técnicas, parcela A e parcela B, etc. Exemplos práticos com casos reais.

GRUPOS GERADORES DIESEL-ELÉTRICOS (32 horas)
Período: 29/09/2008 a 02/10/2008
Conteúdo: Motores de Combustão Interna: Classificação; Princípio de funcionamento; Partes Componentes; Sistemas de lubrificação, refrigeração e alimentação. Geradores Síncronos: Conceitos Básicos; Princípio de Funcionamento; Partes e Acessórios; Características e Equações; Paralelismo; Distribuição de Carga; Curvas de Capabilidade; Sistemas de Excitação; Reguladores de Tensão. Comportamento na partida de motores elétricos. Aspectos Operacionais. Custos de Geração. Reguladores de velocidade (governadores). Equipamento elétrico dos motores Diesel.

MANUTENÇÃO ELÉTRICA (32 horas)

Período: 03/11/2008 a 06/11/2008
Conteúdo: Conceitos Básicos sobre Manutenção. Manutenção do Sistema de Isolamento. Medição de Resistências. Manutenção em Transformadores. Manutenção de Transformadores de Corrente e de Potencial. Manutenção em Máquinas Elétricas. Testes em Cabos. Manutenção Preventiva em Outros Equipamentos.

MANUTENÇÃO EM MOTORES ELÉTRICOS (32 horas)

Período: 01/12/2008 a 04/12/2008
Conteúdo: Conceitos Gerais e Definições. Motores de Indução Trifásicos: Defeitos e Problemas. Manutenção Preventiva. Ensaios. Máquinas de Corrente Contínua: Comutação e Comutadores, Escovas e Seus Problemas. Defeitos e Problemas. Manutenção Preventiva; Ensaios. Complementos: Aspectos Gerais sobre o Sistema de Isolamento; Resistência do Isolamento; Testes de Campo.

MOTORES ELÉTRICOS (24 horas)

Período: 15/12/2008 a 17/12/2008
Conteúdo: Motores de Corrente Contínua - Análise dos dados de placa do motor e dos dados de catálogo disponibilizados por fabricantes; Modelagem elétrica do motor para análise das formas de controle (conjugado constante e potência constante); Frenagem dinâmica e frenagem regenerativa; Exemplos de aplicação. Motores Síncronos - Análise dos dados de placa do motor e dos dados de catálogo disponibilizados por fabricantes; Modelagem elétrica do motor para análise do seu desempenho (conjugado, potência, rendimento, fator de potência, partida, etc.); Operação como compensador síncrono (correção do fator de potência em instalações com cargas não-lineares); Operação como gerador; Exemplos de aplicação.

MOTORES ELÉTRICOS ASSÍNCRONOS (24 horas)
Período: 17/11/2008 a 19/11/2008
Conteúdo: Análise dos dados de placa do motor e dos dados de catálogo disponibilizados por fabricantes; Modelagem elétrica do motor para análise do seu desempenho (conjugado, potência, rendimento, fator de potência, partida, etc.); Critérios básicos para especificação de motores para acionamentos não-controlados e para acionamentos controlados; Exemplos de aplicação.

PROTEÇÃO DE SISTEMAS ELÉTRICOS INDUSTRIAIS (36 horas)
Período: 08/12/2008 a 12/12/2008
Conteúdo: Fundamentos de análise aplicados a sistemas elétricos. Curtos-circuitos industriais. Faltas equilibradas e desequilibradas. Arcos para a terra e seus sensores. Especificação básica de equipamentos. Normas técnicas e limites operacionais (térmico e dinâmico). Aplicações de disjuntores (AT/MT/BT), chaves seccionadoras, TC's e TP's. Dispositivos de proteção: fusíveis, contatores, relés de proteção e suas funções. Proteção de transformadores, barras, geradores, motores, cabos e alimentadores. Seletividade aplicada à proteção de sistemas elétricos industriais e sua coordenação gráfica.

QUALIDADE DA ENERGIA ELÉTRICA (36 horas)
Período: 10/11/2008 a 14/11/2008
Conteúdo: Principais aspectos e conceitos básicos da QEE. Causas e efeitos dos principais fenômenos associados à QEE (Harmônicos, Afundamentos de Tensão, Desequilíbrios, Flutuação de Tensão, etc.).A Qualidade na Comercialização. O Marco Regulatório. Índices das Perturbações. Resoluções sobre Continuidade e Conformidade. Procedimentos de medição. Laboratório.

SELETIVIDADE E COORDENAÇÃO DA PROTEÇÃO EM SISTEMAS INDUSTRIAIS (36 horas)

Período: 27/10/2008 a 31/10/2008
Conteúdo: Filosofia geral da proteção aplicada à sistemas industriais. Principais dispositivos de proteção aplicados à sistemas industriais (49, 50/51, relés de múltiplas funções, fusíveis e disjuntores de baixa tensão). Conceitos de curto-circuito aplicados à seletividade (curto circuito subtransitório, transitório, arcos para a terra, etc). Limites operacionais dos principais equipamentos utilizados em sistema industriais (geradores, motores, transformadores, cabos e painéis, etc.). Conceitos básicos e filosofia geral da seletividade e coordenação da proteção. Princípios da seletividade cronométrica, critérios e procedimentos de ajustes de dispositivos de proteção. Princípios da seletividade lógica e sua aplicação. Exemplos de aplicações em sistemas industriais.

TESTES AVANÇADOS EM TRANSFORMADORES (20 horas)

Período: 24/11/2008 a 26/11/2008
Conteúdo: Introdução ao funcionamento de transformadores e partes componentes. Estatísticas de defeitos em Transformadores. Características e funcionamento de equipamentos utilizados em testes e ensaios. Procedimentos automatizados em comutadores sob carga (OLTC). Diagnóstico de transformadores utilizando testes de capacitância, fator de potência e fator de dissipação com variação de freqüência. Ensaio de Resposta em Freqüência com análise e busca de defeitos. Testes práticos e análise dos resultados para todos os itens abordados no curso.


Observações:
-A realização de cada curso está condicionada ao nº total de participantes inscritos.
-Local de realização: FUPAI - Rua Cel. Rennó, 07 - Centro - Itajubá/MG
-Forma de pagamento: através de NF Boleto Bancário


Contatos:
Eliza Maria Villela da Silva
Promoção e Divulgação em Eventos - FUPAI
Fundação de Pesquisa e Assessoramento à Indústria
R. Xavier Lisboa, 27 - Centro - Itajubá/MG - 37501-042
Tel. (35) 3629-3500 - Fax. (35) 3622-3477
E-mail: fupai@fupai.com.br


Voltar

Copyright © 2008 ABEE-MG | Todos os Direitos Reservados
Av. Álvares Cabral, 1600 - 2º Andar - CEP 30170-001 / Belo Horizonte-MG / Telefone (31) 3299 8718

Sites profissionais para o seu negócio